Adolescente de 12 anos estupra criança de 5 em Cocal PI

Adolescente de doze anos estupra criança de apenas cinco anos na cidade Cocal no Piauí.
O caso de estupro de vulnerável foi registrados no domingo (04/10/2015) na cidade de Cocal, a 268 km de Teresina, capital do Piauí. Segundo o chefe de investigação, Walter Bruce, da Polícia Civil, a vítima de estupro é uma menina de apenas cinco anos de idade. A vítima foi estuprada pelo primo, um adolescente pedófilo de 12 anos.
De acordo com Walter Bruce, os pais do garoto pedófilo entraram em contato com a delegada e o apresentaram na manhã desta segunda-feira (05/10/2015) no Distrito Policial de Cocal. Em depoimento, o menino estuprador primeiramente negou o estupro de vulnerável e depois confessou ter abusado sexualmente da prima durante uma brincadeira.
A vítima do estupro sofreu o abuso sexual do primo de 12 anos.”No caso da criança de 5 anos, eu recebi a ligação da mãe da menina relatando do abuso pelo primo de 12 anos e que a criança estuprada estava internada com sangramento nas genitálias. Ao chegar ao hospital, os médicos confirmaram o estupro e iniciamos diligências para apreender o suspeito que fugiu. O caso aconteceu na casa da vítima no Povoado Gameleira, zona rural de Cocal”, relatou.
“Por entender que o menor pedófilo não fez por maldade, a delegada registrou apenas um boletim de circunstanciado. O garoto estuprador deve responder por estupro consumado”, explicou.

Adolescente estupra criança de quatro anos

Adolescente pedófilo estupra menino de 4 anos.

Um menino de apenas quatro anos de idade foi estuprado por um jovem pedófilo de catorze anos, em São Gonçalo do Pará. O estupro de vulnerável ocorreu na noite dessa quinta-feira (18/12/2014). O boletim de ocorrência foi registrado pelo pai da criança violentada sexualmente, após o menino contar o que teria acontecido. De acordo com a PM (Polícia Militar), o pai da vítima relatou que o menino chegou a casa assustado e chorando. Para o pai, a criança contou que foi até a casa do adolescente estuprador, em uma fazenda, com a promessa de ganhar um carrinho. Lá, ele foi estuprado pelo criminoso. Exames médicos confirmaram o estupro. Ainda, conforme a PM, o adolescente confessou o crime, foi apreendido e encaminhado para a delegacia da cidade. O jovem foi encontrado na casa dele.

Pedófilo estupra primo de 8 anos de idade.

Pedófilo estupra primo de oito anos de idadeAdolescente pedófilo exibe vídeo pornográfico para o primo de oito anos para estuprá-lo.
O estuprador tem quinze anos e confessou o crime; os dois ficaram trancados juntos em um quarto; a vítima passou sabão no ânus e mordeu um tecido para suportar a dor da penetração anal.

Vista de Betim MG

Vista de Betim MG (Minas Gerais)

Um menino de 8 anos foi estuprado pelo primo de 15 anos, depois que os dois ficaram trancados num quarto jogando vídeo game, na tarde dessa quinta-feira (09/10/2014), em Betim, na região metropolitana de Belo Horizonte. A avó dos garotos foi quem fez a denúncia à PM (Polícia Militar) e o adolescente estuprador foi apreendido.

De acordo com a avó, a criança lhe contou que estava na casa do seu primo pedófilo, na rua Antônio Osvaldo Menezes, no bairro Parque das Indústrias, e que os dois ficaram em um quarto jogando vídeo game. Em um dado momento, o menino saiu do quarto nervoso e tremendo, dizendo que o seu primo lhe mostrou vídeos pornográficos no celular e depois pediu para que ele abaixasse a calça, passasse sabão no ânus e mordesse um pedaço de tecido “para não sentir dor”. Feito isso, o adolescente pedófilo realizou penetração anal na criança.

O adolescente pedófilo foi localizado e confessou o estupro de vulnerável. Ele foi encaminhado junto com o pai à delegacia. A criança estuprada foi levada para o Hospital Regional de Betim, onde passou por exames.

Garoto de 12 anos estupra criança de 2, na Cidade de Deus

Um menor adolescente pedófilo de doze anos de idade foi apreendido por estuprar uma criança de apenas dois anos, por volta das treze horas da quarta-feira (24/09/2014), na rua Jamburuna, n° 83, bairro Cidade de Deus, Zona Norte de Manaus.

Conforme a Polícia Civil, a criança de dois anos foi encontrada no quarto pela irmã mais velha, com ferimentos em suas partes íntimas, dizendo que estava sentindo muitas dores. A mãe da vítima disse que conhece o pedófilo estuprador e que ele, o predador sexual, e o filho, a vítima estuprada, costumavam brincar juntos todos os dias.

Ainda, de acordo com a Polícia Civil, a criança passou pelos exames necessários, onde foi confirmado o estupro de vulnerável, e agora passa bem.

A mãe do agressor sexual compareceu à Deaai (Delegacia Especializada em Apuração em Atos Infracionais) para acompanhar o adolescente, que ficou detido a quinta-feira (25/09/2014) para prestar depoimento a um promotor.

Deaai (Delegacia Especializada em Apuração em Atos Infracionais)

A mãe do pedófilo compareceu à Deaai para acompanhar o menor estuprador, que ficou detido por 24 horas, para prestar depoimento a um promotor.