Adolescente Pedófilo Estupra Criança de 6 anos em Almenara

Um adolescente pedófilo de doze anos de idade estuprou uma criança de seis anos em Almenara: A violência sexual foi descoberta pela mãe da criança que acionou a PM (Polícia Militar).

Imagem

Uma menina de seis anos de idade foi estuprada na tarde de quinta-feira, 26 de junho de 2014, em Almenara, no Vale do Jequitinhonha.

Conforme informações da PM, a mãe da vítima acionou a corporação após notar um sangramento na calcinha da criança violentada.

Ainda segundo a PM, a mãe relatou que a criança chegou a casa e em seguida se deslocou ao banheiro, três vezes consecutivas. Preocupada, a mãe perguntou a razão pela qual ela estava indo ao banheiro com tanta frequência. A menina respondeu que apenas estava com vontade de urinar, mas no momento em que foi tomar banho, a criança chamou a mãe e disse que a calcinha dela estava suja de sangue.

A mãe da menina violentada perguntou onde ela estava, e ela respondeu que estaria na casa da tia, onde se encontrava um adolescente de doze anos.

Diante dos acontecimentos, a guarnição da PM realizou um rastreamento e localizou o adolescente pedófilo. Ele relatou aos policiais que teria apenas descido a calcinha da menina e pegado na sua genitália.

A menina estuprada foi encaminhada ao Hospital Deraldo Guimarães, no qual o médico constatou que houve laceração anal.

O menor estuprador de doze anos, a menina violentada sexualmente e demais responsáveis, foram conduzidos à presença de autoridade de Polícia para providências.

Mas, um caso de impunidade em Almenara. Graças à bancada evangélica, que considera um estuprador de 12 anos como alguém incapaz de consentir sexo, logo incapaz de responder por um estupro, e a demais parlamentares que são contra a redução da minoridade penal.

Anúncios

Garoto de 13 anos Estupra Criança de 4 em Juiz de Fora

Garoto de treze anos aproveita festa em casa para estuprar criança de quatro em Juiz de Fora.

O menino estuprado revelou à mãe que foi forçado a fazer sexo oral no adolescente pedófilo, após ter tido pesadelo com o caso; jovem pedófilo não foi localizado pela Polícia Militar.

Um adolescente pedófilo de 13 anos estuprou um menino de 4 anos durante uma festa em Juiz de Fora, na Zona da Mata, neste final de semana. Segundo a criança, o pedófilo teria forçado o menino a fazer sexo oral nele.

A mãe da criança abusada procurou a PM (Polícia Militar) e contou que teria ido a uma festa na casa do adolescente pedófilo com o filho, na rua Marciano Pinto, no bairro Cidade Nova. Em um dado momento, ela teria dado a falta dos dois, mas não deu importância. Contudo, durante a madrugada desse domingo (15 de junho de 2014), percebeu que o seu filho estava tendo um pesadelo e que, dormindo, negava-se a fazer obscenidades.

A mãe questionou o menino, que revelou ter sido forçado a fazer sexo oral no colega adolescente, em um local isolado da casa do estuprador.

A responsável legal do adolescente pedófilo foi procurada pela PM e disse que ficou sabendo da história pela mãe da criança estuprada e que ao questionar o filho, ele teria negado o abuso sexual. O jovem pedófilo não foi encontrado pela polícia.

Segundo a delegada Mariana Veiga Silva, da 1ª Delegacia de Juiz de Fora, a mãe da criança violentada foi ouvida na manhã desta segunda-feira (16) e o adolescente, já localizado, será apresentado pelo pai nos próximos dias, para prestar esclarecimentos.

Garoto de 13 anos Estupra Criança de 4 em Juiz de Fora

Garoto de treze anos aproveita festa em casa para estuprar criança de quatro em Juiz de Fora.

Adolescente Pedófilo de 16 anos estupra bebê em Anhanduizinho

Jovem Pedófilo de dezesseis anos de idade estupra criança de dois anos em Anhanduizinho CG.

No decorrer da noite deste domingo (15 de junho de 2014), as polícias Militar e Civil fizeram uma operação para localizar o adolescente estuprador de 16 anos de idade que teria estuprado uma criança de 2 anos. O crime aconteceu no período da tarde, quando o adolescente pedófilo foi flagrado saindo de uma área de mata que fica na região do Anhanduizinho, com o bebê.

Ao ser abordado por moradores, o adolescente estuprador acabou fugindo e largando a criança no local. Os populares ligaram para o número 190 do Ciops (Centro Integrado de Operações de Segurança) e fizeram buscas. Em seguida, as equipes de policiais estiveram no local e fizeram um pente-fino, mas não localizaram o estuprador pedófilo.

A criança estuprada deve ser encaminhada na manhã desta segunda-feira (16 de junho de 2014) para o IMOL (Instituto de Medicina e Odontologia Legal) para realizar o exame de corpo de delito.